Previsão do Tempo

Mapa do Município

Bandeira Municipal

HISTÓRICO

O município de Limoeiro do Ajuru foi criado a partir de área desmembrada do município de Cametá. Contudo, não há elementos descritivos e elucidativos sobre a sua evolução na história do município que lhe deu origem. Sabe-se, apenas, o que as crônicas contemporâneas relatam, por vezes contraditoriamente a sua origem.

Assim, por exemplo, Carlos Rocque afirma que Limoeiro do Ajuru teria surgido do distrito de Joana Coeli, do município de Cametá, e de parte do distrito-sede de Oeiras do Pará. Por outro lado, Carlos Fonseca argumenta que o Município teria sido formado tão somente com território de Cametá. Porém, há indícios de que os primórdios de Limoeiro do Ajuru remontam a 1895, quando, sob a denominação de Limoeiro, integrava o município de Cametá como Vila, elevada a esta categoria pela Lei nº 324, de 6 de julho daquele ano. Esta afirmativa decorre do fato de que Limoeiro não mais seja incluído na relação dos distritos que, atualmente, compõem Cametá. Além do mais, inexistem referências sobre o desmembramento de Oeiras do Pará, em benefício de Limoeiro do Ajuru.

A primeira tentativa de constituir o município de Limoeiro do Ajuru data de 1955, através da Lei nº 1.127, de 11 de março, que foi declarada inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal no mesmo ano.
A Lei Estadual nº 2.460, de 29 de dezembro de 1961, criou o município de Limoeiro do Ajuru com terras desmembradas de Cametá.

O nome adveio do rio Limoeiro, que banha o território municipal, e do vocábulo tupi Ajuru, que se refere tanto à árvore da família das rosáceas, de madeira dura e frutos comestíveis, quanto ao papagaio Amazona Aestiva.

Atualmente, o Município é constituído pelo distrito-sede: Limoeiro do Ajuru.

CULTURA

A manifestação religiosa que mais se destaca no Município é a Festa do Dia dos Reis, dedicada "ao menino Deus", realizada no dia 6 de janeiro. Na ocasião, a população reza ladainhas nas casas, acompanhada pelo banguê (conjunto formado por pessoas que tocam banjo, bumbos e pandeiros).

Não há no Município grupos de dança organizados permanentemente. Os únicos grupos conhecidos (carimbó, siriá, bois-bumbás e samba-do-cacete) são organizados e apresentados comumente nas festas de fim de semana.

O artesanato em Limoeiro do Ajuru é produzido basicamente em tela, sendo que um dos trabalhos mais característicos é o "chapéu de timbói" (espécie de cipó).

Os equipamentos culturais da cidade são formados por uma Biblioteca e uma Casa da Cultura, vinculadas à Prefeitura Municipal.

Contagem da População 2007 23.284
Área da unidade territorial (km²)

1.490

 

Geografia

Clima: Equatorial superúmido

Mesorregião: Nordeste Paraense

Microrregião: Cametá

Altitude: 17 metros

Latitude: - 1,975 graus e decimais de graus

Longitude: - 48,95972 graus e decimais de graus

@lvo Pesquisas

Este site utiliza Atendimento Grátis

Rua dos Pariquis 3492, sala 3
Cremação, Belém - PA - (91) 3353-8108

© Copyright 2006 - 2014

Alvo Publicidade e Marketing - todos os direitos reservados

@lvo Pesquisas

Webmaster Marcus Santos

designed by