Previsão do Tempo

Mapa do Município

Bandeira Municipal

Histórico

Potencial turístico nacionalmente reconhecido

O município de Tucuruí, localizado no Sudeste do Pará, já é há vários anos reconhecido pelo Empresa Brasileira do Turismo (EMBRATUR) como Município Turístico, o que significa dizer que o lugar está entre aqueles considerados capazes de gerar um mercado turístico efetivo, com deslocamentos e estadas de fluxo permanente. Além disso, Tucuruí possui atrativos naturais que o qualificam como um pólo receptor de turistas.

O município de Tucuruí foi fundado em 1781 pelo governador e capitão-general, José Nápoles Telles de Menezes, mas não com este nome. Nessa época, o lugar era um povoado, com duplo caráter sobre a navegação do rio Tocantins, o fiscal e o militar. Depois, pela Lei nº 661, de 31 de outubro de 1870 foi criada a Freguesia de São Pedro do Alto Tocantins, no lugar Pederneiras, dentro do Município de Baião, sendo substituído mais tarde, pelo de São Pedro de Alcobaça, através da Lei nº 839, de abril de 1875. Essa denominação continuou até dezembro de 1943, quando, pelo decreto-Lei nº 4.505 surgiu o nome de Tucuruí. Só quatro anos depois, no governo de Moura Carvalho, o município foi desmembrado de Baião, tornando-se independente. As primeiras eleições para prefeito de Tucuruí aconteceram em 1948, nesse mesmo ano a Câmara Municipal foi instalada pela primeira vez.

A colonização do lugar deveu-se a grande procura de pessoas pela região do Tocantins, não só atrás das riquezas naturais, como também pela comunicação com o Estado de Goiás.

Origem do Nome

O nome Tucuruí é de origem Tupi, língua das várias tribos indígenas que ainda habitam a região. Para alguns autores o vocábulo viria de: Tucuruí - gafanhoto e Y - rio; assim, Tucuruí + y seria rios dos gafanhotos. Mas alguns autores, como Danúzio Pompeu, consideram essa uma interpretação equivocada. Fundamentado numa obra de Luiz Caldas Tibiriça, Dicionário de Topônimos Brasileiros de Origem Tupi, o verbete Tucuruí viria de Tycu - roy - líquido frio, gelado. De acordo com autor, essa definição seria mais aceitável, porque nas imediações da cidade, os rios e os igarapés são de águas frívolas.

Hidrelétrica de Tucuruí

Por volta de 1957, começaram os primeiros estudos para a construção de uma hidrelétrica e assim aproveitar o potencial do rio Tocantins. Esses estudos iniciais continuaram pela década de sessenta. Mas os trabalhos para a construção da hidrelétrica só foram intensificados na década seguinte.

A construção da Vila Permanente para abrigar os operários da obra quebra todos os recordes mundiais de terraplanagem. As vilas da Eletronorte, verdadeiros condomínios fechados, são o primeiro mundo encravado na Amazônia com água e esgoto tratados, ruas pavimentadas, supermercados, escolas e creches.

Finalizada a etapa de construção da hidrelétrica, na segunda metade da década de oitenta, a desativação gradual das vilas Temporária I e II propiciaram uma melhoria na infra-estrutura urbana de Tucuruí. A Usina Hidrelétrica de Tucuruí foi inaugurada em 22 de novembro de 1984 pelo presidente João Figueiredo. Com os royalties da produção de energia elétrica e da área inundada pela barragem, Tucuruí só perde em arrecadação para a capital do Estado. Assim é que a cidade, a partir dos anos noventa, muda radicalmente a sua face. Passando a dispor de uma belíssima urbanização e a gozar de uma boa infra-estrutura governamental.

Foi com o advento da obra da hidrelétrica que fez-se a reforma agrária às margens do lago da hidrelétrica, onde foram construídas estradas vicinais e assentados milhares de pequenos agricultores. A inundação de vários povoados pelo lago da hidrelétrica obrigou a Eletronorte a construir dois povoados com infra-estrutura urbana: Novo Repartimento na porção sudoeste e Breu Branco a leste, emancipados de Tucuruí em 31 de dezembro de 1992.

Assim, observa-se que o desenvolvimento e prosperidade de Tucuruí sempre vieram atrelados aos grandes projetos e incentivos do Governo Federal. Agora, está em andamento a construção das eclusas, que proporcionarão a navegabilidade do rio Tocantins até o planalto central, assim como, a segunda etapa da Usina, que duplicará a sua capacidade geradora.

Contagem da População 2007 89.264
Área da unidade territorial (km²)

2.086

 

Geografia

Clima: Equatorial superúmido

Mesorregião: Sudeste Paraense

Microrregião: Tucuruí

Altitude: 150 metros

Latitude: - 3,76139 graus e decimais de graus

Longitude: - 49,665 graus e decimais de graus

@lvo Pesquisas

Este site utiliza Atendimento Grátis

Rua dos Pariquis 3492, sala 3
Cremação, Belém - PA - (91) 3353-8108

© Copyright 2006 - 2014

Alvo Publicidade e Marketing - todos os direitos reservados

@lvo Pesquisas

Webmaster Marcus Santos

designed by